terça-feira, 14 de junho de 2016

Você sabe como orar?


Se a sua resposta a essa pergunta foi “Não! ”, fique tranquilo ou tranquila, eu também não!

Nos últimos posts, tenho falado muito sobre oração. Se você ainda não leu, aqui estão os links: “Você sabe o que é oração? ” e “Por que devemos orar?”.

E continuando a saga, quero compartilhar com vocês o que tenho aprendido, dando algumas dicas daquilo que tem funcionado para mim! Vai que funciona para você também?!

Não sei se essa pergunta já te ocorreu, mas eu já me perguntei muitas vezes: “Como orar? ”! Então, comecei a procurar em livros, pregações e pessoas como melhorar minha vida de oração.

E fico feliz em saber que sempre podemos melhorar em alguma coisa. Se a gente quiser, dá para aprender algo novo todo dia! Ainda mais com Deus, que é infinitamente criativo!

Quando menos imagino, lá aparece Ele com uma novidade!

Chega de enrolação! Vamos lá!

#1. Entender que a oração pode ser aprendida!


Sério, Van? Sim, minha gente! É possível aprender a orar. De onde eu tirei isso? Essa eu aprendi com o Richard J. Foster no livro “Celebração da Disciplina”, tem resenha aqui no Blog.

Olha o que ele diz: "A oração verdadeira é algo que se aprende. Os discípulos pediram a Jesus: 'Senhor, ensina-nos a orar' (Lucas 11:1).".

Depois que os discípulos pediram isso, Jesus lhes ensinou a oração que transpassou gerações e pessoas de quase todas as religiões conhecem: o “Pai Nosso”.

Então, se os discípulos de Jesus aprenderam, nós também podemos aprender.

#2. Entender que Deus é uma pessoa


Além de ser Deus, Ele é uma pessoa. E toda pessoa, a exemplo de Seu Criador, busca ter relacionamentos com outras pessoas. Acredite, Ele quer nosso amigo.

E a oração é meio pelo qual nos aproximamos Dele. Por isso, podemos conversar com Ele, contar nossas alegrias e decepções. O vídeo abaixo ilustra muito essa situação:


#3. Escolhendo o melhor professor: o Espírito Santo!



Sim, minha gente! Se tem alguém que pode nos ensinar a orar é a terceira pessoa da trindade, o Espírito Santo de Deus! Olha só o que a Bíblia diz a respeito dessa incrível pessoa:

Mas o Auxiliador, o Espírito Santo, que o Pai vai enviar em meu nome, ensinará a vocês todas as coisas e fará com que lembrem de tudo o que eu disse a vocês. ” (João 14:26, NTLH).

Então, se Jesus nos disse que Ele nos ensinará todas as coisas, significa que Ele também nos ensinará a orar! É só pedir! ;-)

#4. Orar a Bíblia



Sim, é isso mesmo! Você não achou mesmo que Deus inspirou 66 livros à toa, certo?

Ao ler a palavra de Deus podemos encontrar muitas coisas pelas quais podemos e necessitamos orar. O livro de Salmos é um deles! É recheado de orações e canções de louvor a Deus!

#5. Orar o “Pai Nosso”


Essa famigerada oração, que atravessou gerações, possui muitos elementos importantes. Muitas pessoas apenas repetem essa oração e nem sabe do que estão falando!

Eu mesma, muitas vezes repeti essa oração, sem saber o que eu estava dizendo. Só depois descobri o que significava cada um daqueles versos.

Portanto, sugiro uma leitura e meditação na passagem de Mateus 6:5-14 para melhor compreensão desse trecho. Ler pausadamente e pensar sobre o que está sendo dito nesse "pequeno grande trecho". Acredite, dessa pequena oração podem sair muitas outras.

#6. Ande com pessoas que tenham esse hábito



Você já pegou o jeito de alguém falar ou rir só porque passava bastante tempo com aquela pessoa? Eu já!

Essas influências podem ser boas ou ruins. Por isso, sugiro que busque caminhar em sua vida cristã com pessoas que buscam andar com Deus e buscam ter uma vida de oração.

Mas como eu identifico essa pessoa? Ela pode ser um (a) líder, discipulador (a), Pastor (a), amigo (a) ou, ainda, você pode podemos pedir a Deus que nos indique um.

#7. Observe como as pessoas oram



Sim, observar como as pessoas oram pode ser um grande aprendizado. Eu aprendi muito sobre oração observado com algumas pessoas oravam.

Apenas um alerta aqui: precisamos prestar muita atenção no que essas pessoas estão orando para que não sejamos meros repetidores de palavras. Às vezes podemos repetir o que estão dizendo e a oração se tornar vazia.

Jesus nós alerta sobre isso: “Nas suas orações, não fiquem repetindo o que vocês já disseram, como fazem os pagãos. Eles pensam que Deus os ouvirá porque fazem orações compridas. Não sejam como eles, pois, antes de vocês pedirem, o Pai de vocês já sabe o que vocês precisam. ” (Mateus 6:7-8, NTLH).

Em outra tradução, usa, ainda, o termo “vãs repetições”, ou seja, repetições vazias. Então, muitos pensam que por ficar repetindo as mesmas palavras, como um robô, acham que Deus as ouvirá.

Como o texto diz, Ele já sabe do que precisamos antes de pedir, então acho melhor largar a enrolação de lado e, com respeito e reverência, dizer “Senhor, preciso disso...”.

Dica extra aqui: para Deus o que achamos precisar, nem sempre é que estamos de fato precisando.


#8. Leia sobre isso!



Sério, Van? Sim, sério! Ultra sério! Existem livros excelentes sobre oração.

Um livro que fala sobre oração é o “Celebração da Disciplina” de Richard de J. Foster, que citei acima. “O poder de uma vida de oração” do Paul Miller (Eu sei, estou devendo resenha!). No combo Jejum e Oração tem “O pode do Jejum e da oração” do Mahesh Chavda. Enfim, não faltam opções.

Está em dúvida de qual ler? Você pode buscar ajuda com alguém que já tenha o hábito de ler sobre o assunto ou, ainda, dar uma lida nesses posts aqui “Como escolher um bom livro? - Parte 1” e “Como escolher um bom livro? - Parte 2”. Eles podem te ajudar a escolher um bom livro.


Conclusão


Eu poderia dar outras dicas, mas não quero que esse post fique longo. Como disse na introdução, o objetivo aqui é compartilhar algumas coisas que aprendi e que tem funcionado para mim e podem vir a funcionar para você.

Lembrando: são apenas dicas e sugestões, ok? Você pode ou não aceitá-las! Fique a vontade!

E aí? Como tem sido sua experiência com oração? Deixe sua resposta nos comentários.

Gostou ou não gostou desse texto? Ajude-me a melhorar! Sua opinião é importante! Deixe sua resposta nos comentários.

Ah! Você sabia que o Blog Enchendo a Caixa agora tem um canal no YouTube? Passa lá para conhecer e se inscrever: Canal Enchendo a Caixa!

Até mais!

Abraço!

Postagens Populares